Ocorreu um erro neste dispositivo

quarta-feira, junho 13, 2012

BALADA PÁTRIA


“O favor com que mais se acende o engenho
não no dá a pátria…”
Camões, Os Lusíadas X 145


a pátria dorme em requebros de onda
espreguiçada na praia por não ter
mais navios que lhe alisem o dorso

a pátria tem pedras que não falam
nas quais ninguém escreve
porque alguém quebrou o martelo e o escopro
antes de a entregar ao gravador

a pátria acende-se com lamparinas
que rivalizam com o sol
queima balões e engenhos
enche a boca de favores

mas não nos dá o favor

11/06/12


Sem comentários: