Ocorreu um erro neste dispositivo

segunda-feira, janeiro 14, 2013

SE ESPUMA

se espuma ainda te resta
dos dias 
sacode-a no oceano 
sacode-a no império da maré

o oceano tem o seu modo de contar 
a história tem o seu jeito
de levar e trazer a espuma 
a vaga retorta
o que ele tem desfaz
o que não tem dá

ora tu, tu deixa
que o sangue das anémonas
vá, vá no azul forte
que os teus dedos com ele
se desfaçam

deixa ao oceano
ao seu fundo de anénoma palpitante
a tua espuma

Rui Miguel Duarte

12/01/13



segunda-feira, janeiro 07, 2013

Carta aberta ao Ministro da Educação e Ciência sobre o Acordo Ortográfico de 1990 (AO90)


O Brasil adiou a prazo da vigência oficial da aplicação do AO90 para 1 de Janeiro de 2016, assumindo que não gosta nem se sente confortável com o dito. Países como Angola não querem nem ouvir falar do dito, preferindo manter a genuinidade da língua como a receberam. Se, como se prova, o AO90 é incongruente e os dicionários, vocabulários e "corretores" ortográficos  que putativamente seguem o seu preceituado o violam, em especial os ditos oficiais Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (VOP) e o Lince (ambos produzidos pelo Instituto de Linguística Teórica e Computacional) e discrepam entre si, como haverá certezas quanto à ortografia "correta", como as havia, mal ou bem, sobre as correctas? Apresenta-se um  quadro comparativo de lemas em vários desses instrumentos, e pasme-se com aquilo que ele permite perceber da babel reinante. Se os governantes de Portugal, país, a par das suas ex-colónias, que mais perde com o coiso, se remeteram à hibernação burocrática e são indiferentes a tudo isto, estado a que não poderá não ser alheio algum interesse inconfesso, poderão continuar a ser indiferentes face aos desenvolvimentos lá fora, adoptando a atitude orgulhosamente só de má memória?
Um grupo de cidadãos acha que não e subscreveu uma carta ao Ministro da Educação e Ciência, com cópia para o Ministro dos Negócios Estrangeiros e para o Secretário de Estado da Cultura. Esta carta é aberta: é para dar dela conhecimento público, é para passar palavra. E a sua subscrição continua disponível, de modo a poder convertê-la numa Petição a dirigir à Assembleia da República, aqui.

Peço pois a quem ler esta página e que concordar com o conteúdo e propósito da carta, que a subscreva. 
PARA A SUSPENSÃO IMEDIATA DO DESGRAÇADO AO90!

Carta (com a lista dos primeiros signatários)

terça-feira, janeiro 01, 2013

SALMO 2(01)3

Há sempre palavras
rápidas pássaros rubros
no dorso da lã que nos dizem
nos intervalos da passagem de ano
no transbordo para águas
à beira do descanso

que o Senhor nosso pastor
baixa atrás de nós a vara
e diante de nós o seu cajado
palavras que rasgam
aquém do limiar prados verdejantes
que os nossos passos banham para além

palavras de duas caras, uma que se fecha
outra que se abre sempre fresca
e opulenta de vinho azeite e mel

1/01/13